Bom, vamos começar pelo correto: você precisa mesmo organizar sua vida? Ou será que é só uma vontade passageira porque viu alguém fazendo isso? Você está sentindo que algo está fora de ordem e não consegue fazer? Senti exatamente isso no começo dessa pandemia que estamos vivendo em 2020, ao ter que trabalhar obrigatoriamente de casa, pela minha segurança e das outras pessoas.

Há alguns anos, eu já tive várias fases que tentava organizar a minha vida. Já usei Evernote, Trello, Asana, Google Keep, Todoist, Wunderlist, TickTick, Tarefas do Google, Calendário do Google, planilhas, alarmes do celular e até usei o agendamento de mensagens do Telegram, nas Mensagens Salvas, para me lembrar de fazer as coisas.

A maioria são ótimos para guardar qualquer forma de dados. Para quando eu estivesse com tempo mais livre e inspirado, aproveitava para decorar o que registrava. Por um tempo usei muitos só para armazenar as minhas coisas e informações, por outro tempo usei para gerenciar meu tempo, colocando minhas tarefas do que estudar ou fazer no trabalho.

O que mais durou, foi um aplicativo de listas para Android (nunca mais achei esse app) onde eu podia organizar listas e sub listas, e para cada item, configurar notificações que eram fixadas no celular - e notificações me irritam e incomodam muito, por isso me forçava à resolver aquilo na urgência.

Google Keep serviu e ainda deve ter muita coisa guardada, desde livros à links favoritados, textos, artigos, vídeos, filmes, anotações, etc.

Uma coisa era certa para mim: eu precisava aprender a organizar meu dinheiro logo quando comecei a trabalhar, porque não queria perder a grana rápido demais, queria usar bem e conseguir pagar as coisas de casa da forma certa.

Planilhas e vida financeira

Simplesmente não rolou. Nem organizar em cadernos, porque sempre esquecia - e representar as coisas, gerir tarefas e etc em planilhas, era muito chato.

Sem contar que, eu precisava me cobrar constantemente de sempre olhar para saber se não tinha algo pendente, não sabia organizar prioridades direito. Por um tempo o alarme me ajudou.

Até organizar as contas parecia chato e de certa forma confuso. Resolvi procurar outros apps, até que encontrei o Organizze e o ContaAzul. Testei com o primeiro, o segundo eu já tinha visto no trabalho. Acabei ficando com o Organizze, que conseguia pegar meus gastos pelas notificações dos aplicativos dos bancos no celular, eu só tinha que aceitar o registro.

Foi bem simples para organizar meus gastos, com gráficos e formas menos tediosas do que uma pura planilha.

Aí aprendi que precisava organizar meus gastos, tanto os gastos essenciais, estilo de vida e pendências financeiras. Mas também precisava organizar as coisas que eu precisava comprar, e prioriza-las.

De volta as planilhas.

Enquanto isso, no trabalho, todo mundo usava algo diferente: Trello para kanban, Asana ou algo parecido como uma nova tentativa, algumas pessoas usavam Evernote para gerenciar as anotações da vida pessoal com o trabalho e estudos, junto com arquivos no computador.

Até que um dia passei pelo Notion, vi a incrível versatilidade dele e resolvi testar.

Testei pela primeira vez, usei um pouco, muitas opções, desisti. Voltei, não sabia qual template escolher, usei, desisti.

Voltei, apaguei tudo e comecei do zero: uma… planilha. Com os meus gastos. Aproveitei e fiz outra com tudo que eu queria e precisava comprar - mas aqui eu já consegui evoluir depois de um tempo, porque cada linha de uma tabela pode ser representada como uma página, então eu conseguia adicionar links de lojas, descontos, informações, etc. Também aproveitei e defini uma coluna de propriedade, depois foi tranquilo de só ordenar a coluna.

Pode parecer simples, mas começar assim foi o que me ajudou. Com os poucos, fui levando mais coisas para lá, anotações do trabalho, links super importantes, documentos, PDFs, e-mails importantes, até tatuagens que eu pretendo fazer.

E hoje eu coloco quase tudo lá. Ainda uso o Google Calendar para gerenciar eventos e reuniões que envolvem outras pessoas - como reuniões do trabalho, consultas, etc. Já defino algumas notificações para me lembrar com antecedência.

O único ponto do Notion que me incomoda, é que o aplicativo para Android tem um tempo de inicialização MUITO demorado, o que dificulta seu uso.

Eu já sou mais adepto à versão do navegador e até a versão desktop, mas aproveito o app no celular porque ele me encaminha os lembretes como notificações, e isso me ajuda muito.

Se você estiver procurando um aplicativo para se organizar

Identifique o que é mais importante para você: versatilidade? Notificações? Facilidade? Simplicidade? Tabelas? Fotos? Gerenciar tempo?

A partir disso, é mais fácil encontrar o app que mais te ajuda nessas horas. Decidi usar o Notion pela versatilidade em criar conteúdo, a sincronização entre web, desktop e mobile, e principalmente, a possibilidade de colocar vários lembretes tanto em propriedades de uma página quanto no seu conteúdo.

Metodologias

Eu não escolhi nenhuma. Você pode pesquisar várias e pegar pequenos trechos de cada, para te ajudar.

Um exemplo: para meus estudos e para minhas tarefas, eu tenho uma caixa de entrada para coisas que ainda vou analisar sobre o que fazer e quando fazer, copiei isso de alguns vídeos sobre GTD que assisti.

Também vi algumas formas de classificar o conteúdo assistindo um vídeo sobre como uma estudante de medicina nos EUA organiza seus estudos no Notion.

Algumas pessoas comentam sobre como organizam suas finanças, suas tarefas e tempo no dia a dia, vale a pena procurar por mais artigos, conversar com outras pessoas.

Minha mãe magicamente usava uma caderneta com calendario para tudo, anotava tudo à mão e funcionava super bem.

Bom, esse foi meu relato sobre o Notion e organização da vida.